Acessibilidade Aumentar Fonte Contraste

APROVADO PROJETO DE LEI QUE PREVÊ UTILIZAÇÃO DE 'BOCAS DE LOBO INTELIGENTES'

Já presente em outros municípios do País, as chamadas 'bocas de lobo inteligentes' impedem que os bueiros fiquem obstruídos quando chove, pois são constituídas de caixas coletoras que retêm os materiais sólidos carregados pelas águas

Foi aprovado na sessão legislativa desta terça-feira (8/5) o Projeto de Lei nº 035/2018, de autoria do vereador Naldo Perequê (PPS), que sugere à Administração Municipal a adoção de dispositivo que minimiza os impactos das chuvas nos sistemas de drenagem da Cidade.

Popularmente chamado de 'Boca de Lobo Inteligente', trata-se de um mecanismo, instalado no interior dos bueiros, constituído por uma caixa coletora, de material termoplástico (semelhante a uma peneira), que permite a passagem da água, retendo os materiais sólidos carregados por ela.

"Isso impede que os bueiros fiquem obstruídos quando chove, reduzindo a poluição de rios e córregos, além de evitar as enchentes", destaca o autor da proposta, acrescentando que o equipamento é de fácil manuseio e pode ser facilmente operado pelas equipes de limpeza pública, que já realizam essa atividade.

EXPERIÊNCIAS
A utilização desse tipo de equipamento já vem sendo estudada por vários municípios do País, a exemplo de São Paulo (SP), Vila Velha (ES) e Blumenau (SC) - onde leis semelhantes já foram aprovadas.

Em São José do Cedro (SC), esses dispositivos já funcionam com êxito desde 2016. Atualmente, o município dispõe de mais de 20 bocas de lobo inteligentes, e os resultados são considerados bastante satisfatórios.

Além de minimizar os impactos das chuvas, esses dispositivos cessam o odor exalado dos esgotos; obstruem a saída de insetos, roedores, baratas e mosquitos e, consequentemente, ajudam a prevenir doenças.

TRÂMITE

Com a aprovação dos vereadores, o projeto agora segue para análise do prefeito Válter Suman (PSB), a quem caberá sancioná-lo ou vetá-lo. Se sancionado, será acrescido à legislação municipal a partir da sua data de publicação no Diário Oficial do Município (DOM).


Publicado em: 08 de maio de 2018

Publicado por: ASSESSORIA