Acessibilidade   |   Aumentar Fonte   |   Contraste

AUDIÊNCIA DISCUTE MUDANÇAS NO TRANSPORTE

A convite de vereadores, representantes da City Transporte Intermodal estiveram na Câmara Municipal prestando esclarecimentos acerca de prazos contratuais e queixas da população

A comissão parlamentar que acompanha as mudanças no transporte público realizou, na manhã desta quinta-feira (4/4), audiência com representantes da City Transporte Urbano Intermodal, atual concessionária do sistema de ônibus local.
 
Entre os principais assuntos discutidos durante o encontro, constaram:
 
1) O funcionamento regular das linhas presentes na Cidade, e o devido cumprimento de seus itinerários;
 
2) O atendimento aos bairros de todas as regiões do Município, especialmente as mais distantes do Centro;
 
3) Cumprimento de prazo, fixado para julho, para entrega de frota 100% equipada com ar condicionado e wi-fi;
 
4) Investimentos em reformas, criação de novos terminais e corredores de ônibus;aa
 
5) Gratuidades a pessoas com necessidades especiais;
 
6) Devolução de créditos dos cartões de recarga da extinta Viação Translitoral.
 
RESPOSTAS
As respostas ficaram a cargo do diretor da City Transporte, Marcelo Pepe, que durante quase três horas prestou uma série de esclarecimentos aos vereadores.
 
Sobre o funcionamento regular das linhas presentes na Cidade, e o devido cumprimento de seus itinerários, o diretor destacou que houve grandes avanços no comparativo entre fevereiro e março.
 
Segundo ele, a empresa recebeu inúmeras reclamações no primeiro mês, especialmente no que se refere a atrasos (de até mais de uma hora) em algumas linhas e excesso de passageiros nos coletivos. Mas já houve um redução significativa, conforme as pessoas foram adquirindo os cartões da City. Atualmente, 75% dos usuários já contam com os cartões.
 
Isso, segundo Marcelo, reduziu a demora nos embarques e facilitou os deslocamentos a partir das integrações. Somado a isso, houve adaptações em linhas e itinerários para melhor atender os usuários.
 
BAIRROS 
Sobre o atendimento aos bairros de todas as regiões do Município, especialmente as mais distantes do Centro, como Perequê e Santa Cruz dos Navegantes, Marcelo Pepe disse que a City está seguindo todas as ordens de serviço que a Prefeitura repassa, mas que ainda há possibilidade de estudo de novas rotas, junto à Diretoria Municipal de Trânsito.
 
PRAZOS
Sobre o cumprimento de prazo, fixado para julho, para entrega de frota 100% equipada com ar condicionado e wi-fi, Marcelo Pepe garantiu a entrega de 125 ônibus nessas condições - que é a quantidade estabelecida em contrato, embora, atualmente, a frota circulante atinja 140 ônibus.
 
Esse número excedente, segundo ele, resulta da necessidade de atender o público (demanda diária já alcança 90 mil pessoas) até que os investimentos previstos em corredores e novos terminais sejam de fato concretizados.
 
INVESTIMENTOS 
Sobre o investimentos em reformas, criação de novos terminais e corredores de ônibus, o diretor da City lembrou que empresa assumiu os serviços no início de fevereiro, de forma emergencial. Mesmo assim, reformou pontos e terminais e, a partir dos próximos meses, investirá R$ 127 milhões em obras de corredores, pontos de ônibus e terminais.
 
GRATUIDADES
Sobre as gratuidades para pessoas com necessidades especiais, idosos e estudantes, Marcelo Pepe enfatizou que, embora o sistema de recarga esteja em funcionamento, 
eles podem utilizar documento com foto para garantirem suas viagens.
 
RESSARCIMENTOS
Por fim, em relação ao ressarcimento de pessoas que tinham créditos nos cartões da Translitoral, foi explicado que cabe à própria Translitoral resolver a situação.
 
Em nota, antiga concessionária informou que já iniciou o reembolso de parte dos usuários e que ainda esta semana concluirá levantamento de todos os saldos existentes, definindo, então, um cronograma de pagamento
 
HISTÓRICO
Criada ainda em dezembro de 2018, a comissão tem como principal objetivo assegurar o cumprimento de metas contratuais firmadas entre a Prefeitura de Guarujá e a City Transportes.
 
"A partir de estudos e análises, temos levantado as queixas mais recorrentes da população e buscado identificar falhas ou descumprimentos para indicar as devidas melhorias", informa o vereador Juninho Eroso, presidente da comissão.
 
A comissão também é composta pelos vereadores Fernando Martins dos Santos (PSDB), José Francinaldo Ferreira Vasconcelos (PPS), Manoel Francisco Nequinho (PMN) e Raphael Vitiello (PSDB).

 


Publicado em: 05 de abril de 2019

Publicado por: ASSESSORIA