Economia

Atividades Econômicas: A principal atividade do Município é o Turismo, possuindo uma população com elevada participação no setor de serviços. No Distrito de Vicente de Carvalho ocorre a concentração da população operária, que tem como local de trabalho a área portuária de Santos e o Parque industrial de Cubatão. A distribuição das famílias, por classes de renda, revela uma predominância da população de classes de renda média, média baixa e baixa. As atividades agrícolas resumem-se à bananicultura e à produção de hortaliças. 
 
Estância Balneária: Guarujá é um dos quinze municípios paulistas considerados estâncias balneárias pelo estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual. Tal status garante a esses municípios uma verba maior por parte do Estado para a promoção do turismo regional. Também, o município adquire o direito de agregar junto a seu nome o título de estância balneária, termo pelo qual passa a ser designado tanto pelo expediente municipal oficial quanto pelas referências estaduais.
 
Indústria: A atividade Industrial no Município de Guarujá não é das mais expressivas. Restringe-se à indústria voltada à pesca e à construção civil. A construção civil teve grande desenvolvimento na última década, sendo grandemente responsável pela atração de população de baixa renda, utilizada como mão-de-obra não-qualificada. As indústrias de grande porte que não se enquadram nessas descrições são a Dow Química, Cargil, Santos Brasill, Local Frio e Cutrale – localizadas na chamada margem esquerda do Porto.
 
Renda Per Capita
O município de Guarujá apresentou uma renda per capita de R$ 10 586,55 (IBGE/2008), o 3º lugar em renda entre os municípios da Baixada.