Acessibilidade | A+ A- | Contraste

PRESIDENTE DO LEGISLATIVO FAZ BALANÇO DAS AÇÕES REALIZADAS AO LONGO DE 2017

Prestes de completar um ano à frente da Câmara Municipal de Guarujá, Edilson Dias fez um balanço das ações realizadas pela mesa diretora e ressaltou os principais trabalhos da Casa de Leis, em especial, três grandes desafios que foram enfrentados em 2017

"Um ano de muito trabalho, mas com saldo positivo para os vereadores e a população de Guarujá". Essa é a opinião do vereador Edilson Dias, que completa nesta mês de janeiro 12 meses no comando da Câmara Municipal de Guarujá.

Nesta semana, ele fez um balanço das ações realizadas pela mesa diretora e ressaltou os principais trabalhos da Casa de Leis, em especial, três grandes desafios que foram enfrentados ao longo de 2017.

"No início do ano, solicitamos ao novo prefeito que anulasse o aumento da passagem de ônibus que a ex-prefeita havia concedido no final de dezembro de 2016; a população deixou de pagar R$1 milhão por mês com essa medida; na sequência, a Câmara retirou a isenção de impostos dos hotéis, o que aumentará a arrecadação do município em torno de R$10 milhões; e agora, no final do ano, conseguimos aprovar o aumento de ISSQN para as empresas do porto, passando de 3% para 5%, o que trará em torno R$ 40 milhões a mais para a cidade", informou o presidente do Legislativo.

Para ele, essas medidas foram importantes para a Cidade enfrentar a crise e equilibrar as contas. "Não era justo apenas os munícipes arcarem com aumento de impostos como o IPTU e a taxa de iluminação. As empresas também devem fazer a parte delas".

A área Social e a Saúde também receberam especial atenção. De forma inédita, a Câmara, economizou e devolveu, antecipadamente, R$4 milhões para os cofres da Prefeitura e, ainda, houve a sensibilização do prefeito para que a prioridade fosse a compra de equipamentos para a saúde, além dos conselhos tutelares de Guarujá e Vicente de Carvalho, e o próprio Conselho Municipal de Saúde.

Também foram viabilizados, com esses recursos, aumento de 15% para as três entidades que cuidam das pessoas com deficiência na cidade (APAE, APAAG e CRPI).

Edilson Dias ainda destacou o aumento de 6.1 para 9.2 do índice de transparência da Câmara, avaliado pelo Ministério Público Estadual; o fim do voto secreto e as medidas de divulgação da atuação do Legislativo no site da Câmara.

"Aumentamos a participação da população e a aproximação com os vereadores, por intermédio dessas ações, da criação da Escola do Legislativo, a Controladoria Interna, a criação da Emenda Parlamentar, e os Programas Câmara no Bairro e Câmara Jovem, que foram premiados com menção honrosa no Prêmio Cultural da Associação Brasileira de Escolas do Legislativo (ABEL) e, em primeiro lugar, na categoria Transparência e Democracia, no Prêmio Paulista Boas Práticas Legislativas, promovido pela Organização Voto Consciente, Laboratório da USP, OAB São Paulo e Associação Paulista das Escolas do Legislativo (APEL). O saldo dos trabalhos neste ano foi realmente positivo", concluiu o presidente do Legislativo.

 


Publicado em: 22 de dezembro de 2017

Publicado por: ASSESSORIA